Advertisement

Mangaká Ken Akamatsu vence eleições no Japão

 Ken Akamatsu vence eleições no Japão

Conhecido por ser o criador de Love Hina, o mangaká Ken Akamatsu vence eleições no Japão e garante um lugar na Casa dos Conselheiros. Akamatsu é o primeiro mangaká da história a vencer uma eleição no país. Depois da vitória, Akamatsu fez um tweet prometendo não trair seus eleitores.

ANTES DE CONTINUAR VENDO A MATÉRIA QUE TAL ASSISTIR AO EPISÓDIO 15 DA TEMPORADA 2 DE MY DRESS-UP DARLING:

”Logo depois das 20h, vários meios de comunicação informaram que eu fui eleito para a Câmara dos Conselheiros. Isso significa o nascimento do primeiro artista de mangá na política. Tenho certeza que o Japão vai mudar! Para não trair os eleitores que votaram em mim, e para fazer jus como ”representante do povo”, irei trabalhar duro para cumprir minhas promessas de campanha”

Akamatsu revelou pela primeira vez em 16 de dezembro de 2021, sua intenção de concorrer a uma das duas Casas do Japão que formam a Dieta Nacional no país, a Câmara dos Conselheiros, conhecida como Sangiin no Japão.

Ele concorreu pelo Partido Liberal democrata, que anunciou oficialmente os candidatos em 22 de dezembro, revelando que o mangaká fez a lista de membros para uma representação proporcional. A Câmara dos conselheiros realiza uma eleição para selecionar metade dos membros a cada três anos, sendo que os membros cumprem mandatos de 6 anos.

O princípio de Akamatsu tem sido proteger a liberdade de expressão no Japão. Em abril de 2022, a ONU Mulheres emitiu um protesto contra o anúncio comercial do Nihon Keizai Shimbun para o Tawawa de Kiseki Himuro publicado pela Kodansha, alegando que a empresa deve revisar o padrão de propaganda. O protesto é ”uma típica pressão externa” e ”deve ser amplamente protestado para proteger a liberdade de expressão”, afirmou Akamatsu em um tweet.

Akamatsu é o diretor-gerente da Japan Cartoonists Association, da qual o mangaká Tetsuya Chiba trabalha como presidente. Ele se juntou ao ”Hyogen no JIyu wo Mamoru-kai”, um grupo fundado em 2016 que visa proteger a liberdade de expressão, como o conselheiro supremo em 2021. Taro Yamada, do Partido Liberal Democrático, que venceu a eleição da Câmara dos Conselheiros de 2019 com 540 mil votos, é o presidente do grupo.

Os dois trabalham juntos há anos, e Yamada apoiou Akamatsu na Eleição. Yamada vem fazendo ofertas pro Akamatsu ser o escolhido há anos, e como o mais novo trabalho de Akamatsu, UQ HOLDER!, estava perto de terminar, ele aceitou a oferta de Yamada.

mangaká ken akamatsu vence eleições no japão

Mangaká Ken Akamatsu vence eleições no Japão, e artistas de mangá comemoram

Com a vitória de Akamatsu nas eleições, diversos nomes da indústria dos mangás o parabenizaram, tais como o ilustrador de One Punch Man, Yusuke Murata:

”Akamatsu-sensei ganhou a eleição! Meus parabéns.”

Kenjiro Hata, o autor de Tonikaku Kawaii:

”Parabéns, Akamatsu-sensei!”

Raiku Makoto, conhecido por seu trabalho em Zatch Bell!, que tweetou com uma printscreen da página da NHK:

”Ohh! Isso é sério?! Isso significa que ele já está eleito?! Bem, esta é a página da NHK! Ken Akamatsu-sensei!!!”

Hiroyuki de Girfirend, Girlfriend citou Akamatsu em um de seus tweets:

”Parabéns, Akamatsu-sensei!”

O autor de A Town Where You Live, Koji Seo, também parabenizou Akamatsu:

”Akamatsu-sensei, parabéns!”

O autor de Boarding School Juliet, Yosuke Kaneda, também tweetou:

”Akamatsu-sensei, parabéns! Isso é incrível!”

Arihred Yamamoto, autor de Rikekoi, tweetou o quão incrível é ter um mangaká como político:

”Akamatsu-sensei venceu! Parabéns! É maravilhoso ter um político com o passado de um mangaká”

Akihito Tsukushi, o autor de Made in Abyss, que admirava Akamatsu quando mais jovem, também fez um tweet dando os parabéns:

”Akamatsu-sensei, parabéns! É graças a ”liberdade de expressão” que uma criança foi capaz de desenhar mamilos nos mangás de Akamatsu-sensei, e se tornou um artista de mangá, e continua a fazê-lo. Por favor, tenha cuidado tanto física quanto mentalmente. Aguardo seus esforços.”

O ilustrador Asanagi, que está trabalhando com o autor de Mushoku Tensei, Rifujin na Magonote, na light novel de Orc Eiyu Monogatari:

”Akamatsu-sensei, parabéns! Quero um mundo onde as pessoas possam desenhar ilustrações livremente”

Satoshi Mizukami, autor de Lucifer e Biscuit Hammer, com a adaptação em anime atualmente no ar, escreveu o seguinte:

”Tenho medo de falar sobre política, mas beber e contar votos é um festival. Parabéns, Akamatsu-sensei”

Ken Akamatsu é um nome bem conhecido na indústria de mangás. Seu mangá Love-Hina popularizou o gênero harém e teve um total de 14 volumes publicados pela Weekly Shonen Magazine da Kodansha de 1998 a 2001.

O mangá ganhou o vigésimo quinto prêmio Kodansha na categoria shonen, e desde então ultrapassou mais de 20 milhões de cópias em circulação. A história de ação Negima! Magister Negi Magi foi seu próximo trabalho em 2003.

Terminou em 2012 na mesma revista com um total de 38 volumes. O mangaká deu sequência a série UQ HOLDER!, de agosto de 2013 a junho de 2016. A série foi transferida pra Bessatsu Shonen Magazine da Kodansha em outubro de 2016, e a história foi concluída em fevereiro de 2022 com um total de 20 volumes. O total de exemplares em circulação de suas obras ultrapassou 50 milhões.

mangaká ken akamatsu vence eleições no japão

Escritório eleitoral de Ken Akamatsu em Akihabara

Via: Anime Corner / VCS

Postar um comentário

0 Comentários