Advertisement

Eiichiro Oda confirma que quer terminar One Piece em três anos

 

Eiichiro Oda, o criador de One Piece, sentou-se recentemente com Gosho Aoyama, o autor do mangá Detective Conan, para uma entrevista onde confirmou os seus planos para o fim da sua icónica obra.

Na entrevista com Aoyama, Oda diz inicialmente que não tem a certeza de quantos anos levará para completar a série. Mas, no depoimento a seguir, o autor confirma que o seu objetivo é terminar One Piece em cerca de três anos. Além disso, o mangaká já planeou o final apropriado para a jornada de Luffy.

Dito isto, Oda também comentou que estava bastante errado com as suas previsões no passado, e que também não tem certeza desta vez, pelo que existe uma hipótese do mangá se estender por um pouco mais.

Eiichiro Oda geralmente lança 35 capítulos de One Piece num ano, então se a janela de três anos for precisa, podemos esperar cerca de mais 105 capítulos até ao final do mangá. Mas, como disse Aoyama, “Nunca se sabe realmente. Os personagens movem-se muito”, então Oda pode pensar em mais algumas aventuras antes de concluir a história de Luffy e companhia.

Eiichiro Oda começou a serializar o mangá de One Piece na Shonen Jump da Shueisha a 19 de julho de 1997.

A franquia inspirou múltiplas adaptações para outras mídias, sendo a principal delas o anime que está em exibição desde outubro de 1999 e cuja produção está a cargo dos estúdios Toei Animation desde então.

Sinopse de One Piece

Gol D. Roger era conhecido como o “Rei dos Piratas”, o ser mais forte e mais famoso que já navegou na Grand Line. A captura e execução de Roger pelo Governo Mundial trouxe uma mudança em todo o mundo. As suas últimas palavras antes da sua morte revelaram a existência do maior tesouro do mundo, o One Piece. Foi essa revelação que deu início à Grande Era dos Piratas, homens que sonhavam em encontrar o One Piece, que promete uma quantidade ilimitada de riquezas e fama, e muito possivelmente o pináculo da glória e o título de Rei dos Piratas.

Postar um comentário

0 Comentários