Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

Jovens Japonesas estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes

Jovens Japonesas estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes

 Japonesas Jovens estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes

Jovens Japonesas estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes, segundo uma opinião de uma jovem otaku publicada via site note, e entre esses interesses estão os constantes ataques a “cultura moe”.

Em 2019, Yuki Takahashi publicou uma matéria no site Gendai media e depois voltou a mencionar em 2021, falando que o motivo do por que Jovens Japonesas estão se afastando do feminismo é por causa de um “mal entendido”.

ANTES DE CONTINUAR LENDO A MATÉRIA QUE TAL ASSISTIR AO EPISÓDIO 11 DA TEMPORADA 2 DE MY DRESS-UP DARLING FEITO PELO CANAL REPÚBLICA DO ANIME!

Porém uma jovem mulher na casa dos 20 anos comentou a matéria da Yuki Takahashi em um NOTE, falando o seu motivo de não apoiar o movimento e talvez explicar porque mais jovens mulheres tem se afastado dele.

Ela diz que é basicamente porque feministas tem atacado mulheres com peitos grandes e fãs da cultura moe. E ela mesma é uma mulher com peitos grandes e fã de moe, então ela se sentiu diretamente atacada. Para provar ela até publicou uma foto sua:

Jovens Japonesas estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes 1

Ataques à Mulheres de Peitos Grandes

Existem ataques constantes a anúncios ou qualquer outra coisa que mostre mulheres que tenham peitos grandes, mesmo que os peitos não sejam o foco do anúncio em si.

Para vários movimentos, se um anúncio é publicado e a modelo tem peitos grandes, acusam o anúncio de assédio, discriminação de gênero, falam que o anúncio se foca nos peitos da modelo para agradar os homens.

Tome por exemplo o caso em que a modelo Saya Akane apareceu em um anúncio (imagem abaixo). Feministas viram o anúncio e começaram a reclamar, falando que ele se focava muito nos peitos da modelo, e que isso era uma forma de descriminação.

Japonesas Jovens estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes

Acontece que o anúncio não foca nos peitos de Akane, que é uma mulher japonesa que tem os peitos naturalmente grandes desse jeito. Se ela sair na rua com roupas normais, é essa a visão que você terá.

Saya Akane respondeu as criticas na época, dizendo que ela quer um mundo em que todos possam fazer o que quiserem sem se preocupar com nada. Além disso, um estudo de anos atrás (publicado por nós, porém no antigo site), já descobriu que o tamanho dos peitos das japonesas tem crescido ao longo dos anos, então hoje é mais comum ver japonesas de peitos grandes.

Jovens Japonesas estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes

O caso de Onsen Musume, o pôster de Love Live, a colaboração com Uzaki-chan, o anúncio de Tawawa on Monday são só alguns dos casos em que grupos feministas se envolveram e reclamaram alegando assédio as mulheres. Todos casos contra animes.

Jovens Japonesas estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes
Jovens Japonesas estão se Afastando do Feminismo por causa de ataques à animes

Outro ponto interessante do Note desta moça é que os constantes ataques a animes estão fazendo com que jovens mulheres, na casa dos 20 anos, não queiram se envolver com o feminismo.

Porque isso? É simples, eu já disse isso aqui e repito, mas a indústria de mangás/ilustradores é dominada por mulheres, a maioria das pessoas produzindo suas histórias favoritas, ecchi ou não, moe ou não, com peitos grandes ou não, são mulheres.

Uma pesquisa concluiu que 77% dos artistas envolvidos em mangá (seja desenhando, seja escrevendo ou os dois), são mulheres, além disso muitas querem trabalhar com isso, seja criando suas histórias ou desenhando.

Muitos acham que a maioria dos fãs de Love Live são homens, mas veja a surpresa ao olhar a tabela abaixo mostrando que as mulheres ganham na maioria das idades:

Japonesas Jovens estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes

Obviamente nem todas as mulheres curtem ou são fãs de “moe”, ou trabalham com isso, porém, atacar o “moe” é considerado um ataque direto contra essas mulheres que trabalham ou querem trabalhar nessa indústria.

Mesmo que você não se envolva com moe, é parte da cultura dos animes, então é visto como um ataque direto, porque apoiar algo que ataca justamente aquilo que você gosta ou trabalha?

Jovens Japonesas estão se Afastando do Feminismo por causa de Animes

Pegue por exemplo uma pesquisa feita com mulheres de várias faixas de idade sobre o caso Tawawa on Monday, o anúncio acima recebeu várias reclamações de mulheres alegando que ele assedia sexualmente colegiais, até a ONU Mulheres se envolveu.

Eu quero que você repare qual foi a faixa de idade que menos viu problema no anúncio acima.

  • 33% das Mulheres na casa dos 50 anos viu problema
  • 34% das mulheres na casa dos 40 anos viu problema
  • 27% das mulheres na casa dos 30 anos viu problema
  • 18% das mulheres na casa dos 20 anos viu problema.

Apenas 18% das mulheres na casa dos 20 anos viram problema no anúncio, viu o baixo apoio de jovens mulheres japonesas à reclamação iniciada na internet?

Recapitulando as razões do porque Mulheres Jovens estão se Afastando do Feminismo, segundo o Note desta jovem mulher:

  • Porque elas estão tirando o que nos diverte
  • Porque não representa nossos interesses
  • Sou uma mulher com peitos grandes e tenho as características que as femininas tem reclamado (motivo pessoal da autora do Note)
  • Sou fã da cultura moe.

Não trago muito aqui pro site, mas sempre que houveram as polêmicas envolvendo esses animes, tiveram fãs mulheres (jovens), que foram contra as feministas e publicaram fotos delas, mostrando que elas tem as características das personagens criticadas.

Veja abaixo vários exemplos de matérias publicadas aqui no site de grupos que acabaram atacando a outras mulheres, para enfrentar o assédio contra mulheres:

  • Veja por exemplo a Sakimichan, é uma mulher que gosta de fazer ecchi/hentai, é vitima de ataques quase sempre.
  • O caso da “expert em kimono” ditando regras, muitas mulheres vieram em defesa de artistas posteriormente.
  • Muitas mulheres fizeram cosplay e defenderam a ilustração da “Namorada feliz na Saizeriya“. Que foi bastante criticada.
  • Ilustradora que recebeu hate por fazer uma ilustração que “descrimina as mulheres“.
  • My Dress-Up Darling que muitos reclamam do ecchi, é feito por UMA MULHER.
  • Escritora afirma no seu twitter que deixou o movimento feminista “por conta dos ataques a personagens 2D“.
  • Ilustradora mulher, Rurudo teve sua exposição atacada por causa de seu conteúdo ecchi.
  • Mulher dona de um Onsen, afirmou estar muito irritada sobre os ataques a Onsen Musume por parte dos movimentos.
  • Grupo feminista reclama, e a Vtuber Tojou Linca tem sua colaboração encerrada.
  • Dona de loja de roupas voltada para mulheres com peitos grandes é atacada após apoiar Tawawa on Monday.

Obviamente tudo neste Note é a opinião e motivos da autora dele, porém é meio fato que esses movimentos tem atacado muito os animes e que as jovens realmente tem apoiado cada vez menos esses movimentos.

O que você acha?




via: RFG / VCS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]